Gravando e apagando arquivos .iso em Cds e DVDs

Talvez o incoveniente do Linux é que há muitas maneiras de fazer uma única coisa. Gravar um CD ou um DVD é uma delas. Assim, segue algo que dispende sempre de tempo até achar o comando certo e as opções. Gravar uma imagem .iso de um diretorio para cdrom com lenny-debian:

# cdrecord -v dev=/dev/scd0 blank=fast
(utilizei este comando para apagar um CD-RW regravàvel; unidade scd0)
# cdrecord -v dev=/dev/sr0 blank=fast (algumas distros, o cdrom estah em sr0)
Atencao: o CDROM deve estar desmontado !!!


# cdrecord -v speed=4 -eject dev=0,0,0 -data debian-502-i386-xfce+lxde-CD-1.iso -dev=/dev/hdc
# cdrecord -v speed=8 -eject dev=0,0,0 -data debian-testing-i386-CD-1.iso -dev=/dev/scd0
# cdrecord -v speed=8 -eject dev=0,0,0 -data disto.iso -dev=/dev/sr0

Os comandos estao em negrito …. tenho usado muito recentemente.

Se quiseres extrair músicas ou ripar (na gíria), use
o cdparanoia … em um diretório temp ou corrente:
$ cdparanoia -B
Ou melhor ainda, especificando o driver do CD corrente, no caso é o hdd
$ cdparanoia -B -d /dev/hdd
(o meu leitor de CD é o /dev/hdd)

Isto irá extrair todas as faixas do Cd para o diretório corrente, salvando-as como track01.cdda.wav, track02.cdda.wav, etc. Você também pode extrair uma única faixa, já salvando-a com o nome desejado usando:

$ cdparanoia 2 faixa.wav

Agora voce pode gravar musicas com a extensão .wav de um diretorio para o gravador que está em /dev/hdc:
# cdrecord -v speed=4 -eject dev=0,0,0 -data * -dev=/dev/hdc
ou
# cdrecord -v speed=4 -eject dev=0,0,0 -data *.wav -dev=/dev/hdc
(o meu gravador é o /dev/hdc)

Tudo isto sob o Debian!

Creio que todos parâmetros são auto-explicativos. Dúvidas cdrrecord –help e cdparanoia –help. Basicamente se faz tudo com eles.
u

Anúncios